Terça-feira, 29 de Janeiro de 2013

Já cheira mal

 

> Trabalhadores do metro de Lisboa cumprem hoje terceira greve parcial.

 

 

por João Severino às 10:10
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sexta-feira, 2 de Março de 2012

AEROPORTO DE LISBOA JÁ TEM METRO

 

> O aeroporto de Lisboa já tem estação de Metropolitano. Podemos apresentar-vos em primeira mão algumas imagens referentes à estação do Metro-Aeroporto cuja ligação ferroviária será inaugurada no próximo dia 3 de Julho, juntamente com as estações de Moscavide e Encarnação, da linha Vermelha.

As imagens são da autoria do user Wulfric do fórum Skyscrapercity.

 

 

 

 

 

 

por João Severino às 11:02
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sábado, 20 de Agosto de 2011

um metro de incompetência

 

> Muito têm sofrido os idosos de Lisboa que utilizam o Metropolitano na estação da Baixa-Chiado. A incompetência técnica do Metro leva a que as escadas rolantes tenham estado avariadas. Ontem, uma idosa esteve à beira de um ataque cardíaco quando subia as escadas de granito.

 

 

 

por João Severino às 15:22
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 28 de Dezembro de 2009

50 ANOS DE METRO


> O Metropolitano de Lisboa está a festejar os seus 50 anos de existência. E com uma boa notícia. Até ao ano de 2020 o Metropolitano irá chegar às estações de Moscavide, Portela, Sacavém, Encarnação, Aeroporto, Odivelas Centro, Ramada, Bons Dias, Codível, Santo António dos Cavaleiros, Torres da Bela Vista/Frielas, Loures, Infantado, Fernando Namora, Senhora da Luz, Padre Cruz, Uruguai, Benfica, Reboleira, Atalaia, Amadora Centro e Hospital Amadora/Sintra.
Serão mais 33 quilómetros de linha. Parabéns, ao Metro e a todos os trabalhadores que têm tornado possível este importante serviço público.
por João Severino às 09:49
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sexta-feira, 4 de Setembro de 2009

DIVISÕES

> A todo o momento ouvimos dirigentes do PS chamando a atenção para as divisões políticas existentes no seio do PSD entre os seus maiores. Por acaso, não sabemos se haverá entre os sociais-democratas algo semelhante ao que aconteceu com a inauguração da extensão do Metropolitano de Lisboa entre a Alameda e S. Sebastião, onde a divisão no PS ao mais alto nível ficou bem patente com as zangas existentes entre António Costa, Mário Lino, Ana Paula Vitorino e com José Sócrates a tomar o partido de António Costa.

Então, segundo uma menina de relações públicas presente na cerimónia, foi mais ou menos assim:

- Oiça, a placa com o nome do primeiro-ministro ficou bonita?
- Está fantástica, senhor doutor. Ele puxa a bandeira e ficará deslumbrado!
...
- O quê? Não me diga isso que eu desmaio...
- É verdade, senhor doutor! Acontece que o senhor presidente da Câmara não pode com a secretária de Estado...
- A gorda?
- Cuidado, senhor doutor! Podem ouvir e está ali um amigo do Eduardo Cabrita...
- Mas se o António Costa não vem esta inauguração pode transformar-se num funeral.
- Oiça bem o que tenho para lhe dizer... como o António Costa está chateado com a Ana Paula Vitorino e com o Mário Lino fez tudo para que o primeiro-ministro também não venha à inauguração...
- Não! Não, me diga uma coisa dessas que me dá um ataque de coração... andei aqui tanto tempo à espera deste momento e o engenheiro Sócrates não vem?... Tem a certeza?
- Absoluta! Recebemos já a confirmação do seu gabinete...
- Do clone?
- Cuidado, senhor doutor! Fele mais baixo... está ali aquele que acompanhou a comitiva do Presidente Cavaco à Madeira...
- E agora a placa?
- Já estou a tratar disso e estão a fazer à pressa uma coisa em plástico para se colocar no lugar da outra e o ministro puxa a bandeira e vai de carrinho, perdão, de Metro...
por João Severino às 10:19
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 27 de Agosto de 2009

METRO AUMENTA

> Comerciantes das imediações das estações Saldanha e S. Sebastião queixam-se que as obras "afectaram muito o negócio". Prolongamento une todas as linhas e encurta tempos de viagens. Extensão fica pronta com quatro anos de atraso

O prolongamento da linha vermelha do Metropolitano de Lisboa (ML) entre Alameda, Saldanha e S. Sebastião, unindo toda a rede do comboio subterrâneo, deverá entrar ao serviço no sábado, soube o DN junto de várias pessoas que têm acompanhado de muito perto as obras ainda em curso. Oficialmente, a administração do ML diz desconhecer quando essa extensão será inaugurada (ver caixa).

Ontem era bem visível a azáfama de largas dezenas de operários a trabalhar aceleradamente tanto no subsolo como à superfície das estações Saldanha e S. Sebastião. Um panorama que agradou aos comerciantes com lojas situadas na área de intervenção das obras, que se queixam de terem sido seriamente prejudicados pelo encerramento das suas ruas, os tapumes que deixaram emparedados os seus estabelecimentos, o pó, a lama e o barulho, que afastaram os clientes.

"Estou com 120 mil euros de prejuízo", frisou ao DN um dos sócios da histórica Charcutaria Dava, no número 38B da Avenida Duque d'Ávila, rua que foi encerrada devido às obras do ML no Saldanha.

Constantino Fonseca recorda que o seu calvário começou no final de 2004, quando arrancaram as obras: "Nestes cinco anos só aumentaram os prejuízos e ninguém nos ouviu nem pagou subsídios ou indemnizações".

"Só estou com a porta aberta por vaidade e carolice, porque não vem aqui ninguém. Estamos emparedados. Trabalhavam aqui quatro pessoas e agora somos só dois", lamentou.

Ao lado, na Tabacaria Astória, Bento Palma adiantou que "o metro já começa a circular na nova linha no sábado. Mas à superfície, a avenida mantém-se cortada e não se sabe até quando. Nestes cinco anos, o volume de negócio baixou para menos de metade".

A mesma redução sofreu Joaquim Ribeiro, proprietário da Pastelaria Bairro Azul, na Avenida Ressano Garcia, junto à estação S. Sebastião: "Ficou tudo muito afectado com estas obras que já duram há 30 meses. Dizem que no sábado isto desaparece tudo daqui da rua e o metro já anda na linha nova".

As novas estações Saldanha e S. Sebastião vão ter elevadores. Este prolongamento que liga todas as linhas da rede do ML traz a vantagem de permitir viajar sem ter de mudar de comboio, poupando muito tempo nos percursos. O trajecto entre S. Sebastião e Alameda passa a demorar cinco minutos em vez dos actuais 21 minutos. Feitas as contas, são menos 16 minutos.

A extensão desta linha, que segundo os projectos iniciais já deveria ter entrado ao serviço em 2005, tinha um custo previsto de 132 milhões de euros. Esse valor aumentou para 210 milhões.

Daniel Lam, in 'DN'

por João Severino às 09:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

pptao

Um blogue onde deixarei simples observações sobre o que vai acontecendo à nossa volta neste mundo global. Também serve de contacto com imensas pessoas que gostaram de mim. O título do blogue? Porque sempre fui "pau para toda a obra". Obrigado por ter vindo. “Morrendo estou na vida, em morte vivo; / vejo sem olhos, e sem língua falo; / e juntamente passo glória e pena.”, Camões

widgets

arte

João Eduardo Severino

Create Your Badge

a frase

"A vida é muito curta para termos inimigos"
Ayrton Senna

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

links

arquivos

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

cv

Jornalista com a Carteira Profissional nº 278. Já restam poucos do meu tempo. Como último cargo fui director e proprietário do diário 'Macau Hoje'. Pode ler o meu CV completo na primeira mensagem de Outubro de 2007.

subscrever feeds

visitantes


widgeo.net

tags

todas as tags