Terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013

Pechinchas

 

> Pechinchas na net atraem portugueses.

 

 

tags:
por João Severino às 11:21
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 8 de Setembro de 2011

boa bloga (77)

 

> Herman José

 

tags:
por João Severino às 01:24
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 28 de Setembro de 2010

VÃO ACABAR OS ANÓNIMOS




 > A administração Obama quer propor, em 2011, uma lei que exige que os operadores de telecomunicações criem as condições necessárias para as autoridades procederem à interceção de comunicações eletrónicas.


EUA preparam lei que facilita a interceção de e-mails e portais sociais

De acordo com o The New York Times, a Casa Branca pretende criar novos mecanismos de interceção de mensagens enviadas por computadores e smartphones, bem como dos dados inseridos em portais sociais ou comunicações de voz sobre IP.
Antecipando-se aos previsíveis protestos, responsáveis do FBI lembram que a nova legislação apenas permite aceder às comunicações eletrónicas de suspeitos, de acordo com o que a lei já estabelece.
A nova lei deverá ser submetida ao Congresso dos EUA, durante 2011.

tags:
por João Severino às 09:45
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sexta-feira, 24 de Setembro de 2010

BLOGGER.COM

> Vocês não imaginam quanto o blogger.com me tem posto doido. Alterou o sistema de publicar as fotografias bem como outros "melhoramentos" que não são mais que uma porcaria dos diabos. Não se consegue publicar nenhuma foto que se pretenda e as alterações foram para pior, com uma treta justificativa de que se pode pré-visualizar. Vou já tentar mudar para o Sapo.
tags:
por João Severino às 19:05
link do post | comentar | ver pauladas (9) | favorito
| partilhar
Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010

BRASILNAUTA

> Brasil duplicou o número de internautas em quatro anos.
tags:
por João Severino às 10:05
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Domingo, 5 de Setembro de 2010

BEEEEM!

> Google vai tentar competir com a Skype nas chamadas telefónicas via Gmail.
tags:
por João Severino às 12:56
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 7 de Julho de 2010

VALHA-NOS ISSO

> A Internet deixa-nos mais inteligentes.
tags:
por João Severino às 09:42
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 21 de Abril de 2010

'DN.pt' é o melhor

> O ' Diário de Notícias' está de parabéns porque o seu site na internet 'DN.pt' doi considerado o melhor. DN.pt ganha prémio de melhor site de informação
tags: ,
por João Severino às 10:34
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009

PROBLEMAS NA REDE

> Temos estado com grandes dificuldades e problemas na ligação ao Firefox ou Safari, facto que nos tem impedido de colocar muitos postais que tínhamos em agenda. É um desespero...
tags:
por João Severino às 11:46
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 29 de Outubro de 2009

email TEM 40 ANOS

> A primeira mensagem de correio electrónico foi enviada a 29 de Outubro de 1969. O email é já quarentão. Quatro décadas após o envio da primeira mensagem electrónica, o Google Wave , geralmente designado como o email do futuro, é, segundo uma responsável do projecto, "muito mais" do que um sistema de correio electrónico. Vai ser revolucionário.


tags:
por João Severino às 16:32
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 27 de Outubro de 2009

DESPREZO PELO PORTUGAL PÚBLICO ONLINE

> Portugal é o segundo país entre os estados europeus da OCDE mais bem classificado no que diz respeito à sofisticação e ao acesso online a serviços públicos.
Mas poucos os usam...
tags:
por João Severino às 10:45
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 26 de Agosto de 2009

'THE PIRATE BAY' SEMPRE ACTIVO

> Poucas horas após os tribunais suecos terem ordenado a retirada da net do famoso site de partilha de ficheiros online ‘The Pirate Bay’, este voltou a estar disponível, jurando resistir a todos os ataques das autoridades.

Por ordem do tribunal de Estocolmo, a empresa sueca que permitia o acesso ‘The Pirate Bay’ à net, a Black Internet, passou a impedir o acesso deste à rede, impossibilitando assim a milhões de internautas a partilha de ficheiros de todo o tipo de dados, grande parte destes de modo ilegal, segundo consideram as autoridades.
Com 25 milhões de utilizadores regulares, ‘The Pirate Bay’ permite a quem o utiliza ter a informação suficiente para passar dados guardados nos computadores de outros utilizadores para o seu. Frequentemente, estas transferências tomam a forma de música, vídeos ou jogos, que passam a poder ser gozados de modo gratuito.
A decisão do tribunal surge depois de no final de Julho os grandes estúdios de Hollywood terem apresentado queixa contra o ‘The Pirate Bay’ junto das autoridades suecas, alegando estar a sofrer grandes prejuízos, uma vez que os seus filmes podiam ser vistos de graça por quem tomasse partido dos serviços disponibilizados pelo site. O site foi considerado como culpado de disponibilizar acesso a conteúdos de modo ilegal, pelo que a Black Internet se arriscava a uma multa no valor de 50 mil euros caso não impedisse o acesso deste à Web.

Resistência e regresso

O ‘The Pirate Bay’ jurou combater por todos os meios possíveis as tentativas das autoridades de impedir a sua actividade, passando a utilizar servidores noutra parte do mundo. Em comunicado, os dirigentes do ‘The Pirate Bay’ dizem ter “confiança total (…) de que nos provaremos, uma vez mais, capazes de defender as nossas Internets, de superar a tempestade da guerra, e de sobreviver à ameaça da tirania, se necessário por anos, se necessário sozinhos”.

"Iremos até ao fim. (...) Lutaremos nas ef-nets e nas darknets (...) defenderemos as nossas Internets, independentemente do custo, lutaremos nas praias, lutaremos na baywords.org, lutaremos no /. e no digg, lutaremos nos tribunais; nunca nos renderemos, e se, o que não acreditamos nem por um momento, as Internets ou uma grande parte destas sejam subjugadas, então o nosso Império de Além-mar, armado e guardado pela Frota dos Anónimos, irá continuar a luta (...)", disse o ‘Pirate Bay'.

Poucas horas após a decisão do tribunal, o site encontrava-se de novo a funcionar em pleno, mostrando na sua página de entrada uma camisola onde se lia a seguinte mensagem de escárnio:

“Eu desperdicei meses e gastei milhões de dólares para encerrar o The Pirate Bay e tudo o que consegui foi esta linda camisola”.

E por debaixo a nota: “Com amor, The Pirate Bay”.

O ataque das autoridades ao ‘The Pirate Bay’ teve também como resultado a formação de um ‘Partido Pirata’ no cenário político sueco, em defesa do direito de partilha livre de conteúdos por toda a Internet. Esta formação política conseguiu eleger um deputado para o Parlamento Europeu.

tags:
por João Severino às 09:05
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 8 de Julho de 2009

ABRAÇO ESPECIAL

> Desejo manifestar a minha gratidão a todos os leitores que verifico estarem a ler o JORNAL DO PAU pela Europa fora, Angola, Moçambique, Tailândia, Macau, Pequim, Tóquio, Perth, Darwin, Sydney e Melbourne-Austrália, Brasil, México e Estados Unidos. Grande abraço especial para vocês.
tags:
por João Severino às 17:37
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 30 de Abril de 2009

Não deixe que lhe roubem a Internet

VOTAÇAO NO PARLAMENTO EUROPEU NO DIA 5 DE MAIO DE 2009

Não deixe que o Parlamento Europeu lhe feche a internet... não haverá volta atrás!

Aja agora!
O acesso à internet não é condicional

Todos os que têm um site, blog bem como todos aqueles que usam o Google ou o Skype, todos aqueles que gostam de expressar as suas opiniões livremente, investigarem do modo que entendem seja para questões pessoais, profissionais ou académicas, todos os que fazem compras online, fazem amigos online, ouvem música ou vêm videos...

Milhões de europeus dependem da internet quer seja directa ou indirectamente no seu estilo de vida. Tirá-la, limitá-la, restringi-la ou condicioná-la, terá um impacto directo naquilo que fazemos. E se um pequeno negócio depender da internet para sobreviver, torná-la inacessível num período de crise como o que vivemos não pode ser bom.

Pois a internet que conhecemos está em vias de extinção através das novas regras que a União Europeia quer propôr no final de Abril. Segundo estas leis, os provedores de serviço, ou seja as empresas que nos fornecem a internet, PT, Zon, Clix entre muitas outras, vão poder legalmente limitar o número de websites que visitamos, além de nos poderem limitar o uso ou subscrição de quaisquer serviços que queiramos de algum site.

As pessoas passarão a ter uma espécie pacotes de internet parecidos com os da actual televisão. Será publicitada com muitos "novos serviços" mas estes serão exclusivamente controlados pelo fornecedor de internet, e com opções de acesso a sites altamente restringidas.

Isto significa que a internet sera empacotada e a sua capacidade de aceder e colocar conteúdo será severamente restringida. Criará pacotes de acessibilidade na internet, que não se adequam ao uso actual que damos à internet hoje.

A razão é simples...

Hoje a internet permite trocas entre pessoas que não são controladas ou promovidas pelo intermediário (o estado ou uma grande empresa), e esta situação melhora de facto a vida das pessoas mas força as grandes corporações a perderem poder, controle e lucros. E é por isso que estas empresas forçam os políticos "amigos" a agirem perante esta situação.
A desculpa é a pirataria de filmes e música, mas as verdadeiras vítimas seremos todos nós, a democracia e a independência cultural e informativa do cidadão.

Recentemente, vieram com a ideia que a pirataria de vídeos e música promove o terrorismo (http://diario.iol.pt/tecnologia/mapinet-internet-pirataria-terrorismo-crime-tvi24/1058509-4069.html ) para que seja impensável ao cidadão comum não estar de acordo com as novas regras...

Pense no modo como usa a internet! Que significaria caso a sua liberdade de escolha lhe fosse retirada?

Hoje em dia, a internet é sobre a vida e liberdade. É sobre fazer compras online, reservar bilhetes de cinema, férias, aprendermos coisas novas, procurar emprego, acedermos ao nosso banco e fazermos comércio.
Mas é também sobre coisas divertidas como namorar, conversar, convidar amigos, ouvir música, ver humor, ou mesmo ter uma segunda vida.
Ela ajuda-nos a expressarmo-nos, inovarmos, colaborarmos, partilharmos, ajuda-nos a ter novas ideias e a prosperar... tudo sem a ajuda de intermediários.

Mas com estas novas regras, os fornecedores de internet escolherão onde faremos tudo isso, se é que nos deixarão fazer.

Caso os sites que visitamos, ou que nós criámos não estejam incluídos nesses pacotes oferecidos por estas empresas, ninguém os poderá encontrar.

Se somos donos de um site ou de um blog e não formos ricos ou tivermos amigos poderosos, teremos de fechar.

Só os grandes prevalecerão, com a desculpa de que os pequenos não geram tráfego suficiente para justificar serem incluídos no pacote.

Continuaremos a ter a Amazon, a Fnac ou o site das finanças, mas poucos mais.

Os telefonemas gratuitos pela internet decerto que acabarão ( como já se passa nalguns países da Europa) e os pequenos negócios e grupos de discussão desaparecerão, sobretudo aqueles que mais interessam, os que podem e querem partilhar a sua sabedoria gratuitamente com o mundo.

Se nada fizermos perderemos quase de certeza a nossa liberdade e uso livre da internet.

A proposta no Parlamento Europeu arrisca o nosso futuro porque está prestes a tornar-se lei, uma lei quase impossível de reverter.

Muitas pessoas, incluíndo deputados do Parlamento Europeu que a vão votar positivamente, não fazem a menor ideia do que isto pode querer dizer, nem se apercebem das implicações brutais que estas regras terão na economia, sociedade e liberdade. Estas medidas vêm embrulhadas numa coisa chamada "Pacote das Telecom´s" disfarçando estas leis de algo que apenas é relativo à indústria das telecomunicações.

Mas na verdade, tudo não passa de regras sobre o uso futuro da internet. A liberdade está a ser riscada do mapa.

Nestas leis propostas, estão incluídas regras que obrigam as Telecoms a informaram os cidadãos das condições em que o acesso à internet é fornecido. Parece ser uma coisa boa, em nome da transparência, mas não passa de uma diversão para poderem afirmar que podem limitar o nosso acesso à liberdade na internet, apenas terão é que informar-nos disso.

O futuro da internet está em jogo e precisamos de agir já para o salvar.
Diga ao Parlamento Europeu que não quer que estas alterações sejam votadas.
Lembre-os que as eleições europeias são em Junho e que a internet ainda nos dá alguma liberdade para que possamos observar e julgar os seus actos no Parlamento.
Saiba que não está sozinho(a) nesta luta... Enquanto lê isto, centenas e centenas de outras organizações estão a trabalhar para que esta mensagem chegue a quem de direito. Milhares de pessoas estão também a contactar os seus deputados neste sentido. Ajude-se a si mesmo, colabore e faça o que pode por esta causa...

A internet é tão sua como deles...

Divulgue esta mensagem o mais que possa...

Faça Copy/Paste do texto em baixo e envie aos Deputados do Parlamento Europeu!

Aqui vão alguns endereços:

carlos.coelho@europarl.europa.eu

vasco.gracamoura@europarl.europa.eu

joao.pinheiro@europarl.europa.eu

jose.ribeiroecastro@europarl.europa.eu

francisco.assis@europarl.europa.eu

luismanuel.capoulassantos@europarl.europa.eu

edite.estrela@europarl.europa.eu

elisa.ferreira@europarl.europa.eu

anamaria.gomes@europarl.europa.eu

ilda.figueiredo@europarl.europa.eu

miguel.portas@europarl.europa.eu

Texto:

Dear Deputy

I’d like to draw your attention to the Telecoms Package which I believe will be voted on by the European Parliament committees at the end of March and again on 21 April by all MEPs.

I have serious concerns that the changes that the European Parliament is proposing will adversely affect business in the European Union.
I understand that the European Parliament is proposing to include changes to the law which will affect my access to the Internet, and which may limit, restrict or place conditions on my ability to access websites and services.

I use the Internet every day to work, shop, socialise, bank, research, listen to music, enjoy cultural activities, talk to friends and family, order tickets, choose my holidays, pursue my interests and hobbies...and much more.

The changes in the law that the European Parliament is proposing will permit my broadband provider to offer me a limited, restricted or conditional service. My concern is that such changes will kill the life of the Internet as we know it, and could have serious, detrimental economic impact on Europe’s economy.

I am writing to ask you, as my representative in the European Parliament, to vote to protect our right to trade and do business using the Internet.

As we live in a democratic society, we need to openly debate these issues and establish the principles for the Internet as society.

Please support amendments which safeguard my rights to access and distribute content, services and applications and reject any text which talks about ‘lawful content’ or about placing limitations, restrictions or conditions on my Internet access. In particular, I would like you to guarantee my rights to freely use the Internet, and ensure that all websites and services are accessible to all users.

Yours sincerely ,


Para mais informações sobre a lei:

http://www.laquadrature.net/en/telecoms-package-towards-a-bad-compromise-on-net-discrimination

http://www.laquadrature.net/wiki/Telecoms_Package

http://en.wikipedia.org/wiki/Telecoms_Package

http://www.blackouteurope.eu/
tags:
por João Severino às 14:13
link do post | comentar | ver pauladas (2) | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 13 de Abril de 2009

Facebook prejudica estudantes

Um estudo do Departamento de Educação da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, revela que os alunos universitários utilizadores do Facebook têm piores resultados nos exames.

Há bens que vêm por mal...
tags:
por João Severino às 14:07
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 6 de Abril de 2009

Toma lá click (65)

Chez 0.3
tags:
por João Severino às 00:29
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 12 de Março de 2009

Transacções de milhões

O site de Mário Machado (Forum Nacional) publica uma notícia - que já foi lida por mais de nove mil pessoas - com documentos comprovativos, e como diz o autor, que envolve a família do primeiro-ministro, contas offshore, carros de luxo, transacções que chegam aos 163 milhões de euros, curiosamente nos mesmos anos em que José Sócrates estava com o Freeport nas mãos, entre outros.
tags:
por João Severino às 15:11
link do post | comentar | ver pauladas (6) | favorito
| partilhar
Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2009

Loucura no Facebook

Milhares de pessoas encheram uma das principais estações de comboio de Londres numa flashmob organizada através do Facebook e que foi inspirada num anúncio de telefones. O organizador, 22 anos, ficou parvo.
tags:
por João Severino às 11:45
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 5 de Fevereiro de 2009

Vá a Marte

Atenção ao novo Google Earth 5.0, apresentado na passada 2ª feira na Academia das Ciências da Califórnia, em São Francisco, com a presença de Al Gore, e disponível grátis aqui. Agora já poderá visitar Marte.
tags:
por João Severino às 10:48
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 6 de Janeiro de 2009

Humor na Net




João Moreira de Sá é um dos melhores humoristas portugueses. E não anda por aí a gritar que é bom ou na televisão armado em engraçado sem ter graça nenhuma, à semelhança de uns palhacitos com a mania que são humoristas. Produzir humor é um trabalho muito sério. E eu que o diga, que vivi uma vida com um pai, que foi considerado um dos melhores humoristas portugueses, o Ruy Andrade dos 'Parodiantes de Lisboa' e autor de 70% dos textos gravados pelos Parodiantes ao longo de 50 anos na rádio em português.
Quem não leu o humor fino, simples, incisivo e estonteante de João Moreira de Sá no blogue Atlântico, onde assinava como Arcebispo de Cantuária? Era delicioso. Infelizmente, o blogue Atlântico fechou as portas devido à transferência do excelente blogger Paulo Pinto Mascarenhas para outros voos profissionais muito motivadores. E assim, temos o João Moreira de Sá como coordenador de um novo site da rede PNET. Parabéns ao João e votos de longa vida ao 'Pnet Humor'.

Visite em: http://www.PNEThumor.pt
tags:
por João Severino às 14:43
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 1 de Janeiro de 2009

Expresso online está melhor

O 'Expresso' decidiu modificar o seu site. E para melhor. Segundo João Garcia, subdirector do semanário, "Este novo Expresso Multimédia é a resposta que a Redacção do Expresso e os seus parceiros tecnológicos da AEIOU (também do grupo Impresa) encontraram para dar satisfação à crescente procura que o sítio tem tido. Mais do que um novo grafismo, procurámos encontrar soluções para disponibilizar mais informação e tornar a navegação mais intuitiva. O resultado aqui está: nos próximos dias continuaremos a afinar e a aprofundar as funcionalidades do novo Expresso multimédia".
tags:
por João Severino às 12:29
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 24 de Dezembro de 2008

Mau futuro para os piratas

Os piratas da net podem ter a vida muito dificultada em breve com a possibilidade de lhes ser cortado o acesso.
tags:
por João Severino às 11:28
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 4 de Novembro de 2008

6000 mensagens no PPTAO

O nosso blogue orgulha-se de informar que já foram disponibilizadas mais de 6000 mensagens (post) ao longo de um ano de existência.
tags:
por João Severino às 13:58
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

77777 um número bonito

Hoje vi este número 77777 no contador de visitas. Uma maravilha que se deve a todos vós. Abraço
tags:
por João Severino às 18:46
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sábado, 11 de Outubro de 2008

Recorde de visitas no PPTAO

O SITEMETER indicou que ontem, sexta-feira, foi batido o recorde de visitas ao nosso blogue num só dia. O número, que nos deixa orgulhosos e agradecidos, atingiu 404.
tags:
por João Severino às 01:16
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 9 de Outubro de 2008

Rede PNET cria novo site


A rede PNET está cada vez maior e mais activa. Acaba de ser criado mais um site, desta vez trata-se de um espaço de discussão a partir das inquietações e desafios que o Direito coloca a cada momento. Em liberdade de expressão plena, o objectivo é meditar, questionar, confrontar e inquietar com vista a contribuir positivamente para as transformações que a sociedade vai reclamando ao Direito, tendo apenas como linhas de rumo a independência, a seriedade, o rigor e a excelência. O novo site PNETjuris é editado e coordenado pela advogada Marta Madalena Botelho.
Para tanto, a PNETjuris oferece aos seus utilizadores a possibilidade de publicação e leitura gratuitas de textos/crónicas que se debrucem sobre a actualidade jurídica ou sobre qualquer outro assunto da vasta panóplia de temas do âmbito jurídico.
O site integra, também, outras rubricas de interesse, como o Espaço Académico (para publicação de artigos de cariz académico e/ou doutrinário), o Observatório de Legislação, Jurisprudência e Livros Jurídicos (actualizado diariamente), uma secção de divulgação de Eventos, uma secção de Documentos Relevantes, Documentos Históricos e Peças Processuais e, ainda, as Frases do Direito (dedicada às afirmações dos protagonistas do dia-a-dia jurídico) e os Destaques (onde serão mencionados artigos com actualidade e pertinência que tenham sido publicados em sites e blogues cuja temática central seja o Direito).

(http://www.pnetjuris.pt)


tags:
por João Severino às 11:03
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Domingo, 5 de Outubro de 2008

Apresentação da rede PNET

Apresentação da Rede PNET online, seguida de Conferência/Debate
Livraria Byblos Amoreiras, Lisboa
Dia 9 de Outubro 2008, 5ª feira, 18,30h
(Aberto ao Público)

"As formas outras da Língua Portuguesa"
As Crónicas, as Artes Plásticas e a Internet

Convidados
Álvaro Lobato Faria
(Director do MAC - Movimento de Arte Contemporânea)
Manuela Pinheiro
Artista plástica
Manuel S. Fonseca
(Administrador da Editora Guerra & Paz, Administrador Delegado da Valentim de Carvalho Filmes e Cronista do site PNET Homem)
Maria do Céu Brojo
(Coordenadora dos sites PNET Artes, PNET Homem e PNET Mulher)
Vítor Coelho da Silva
Administrador da rede PNET online

Diálogos na Byblos

www.redepnet.pt www.byblos.pt

tags:
por João Severino às 14:54
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Depois não se queixem...

O Novo e Incrível Projecto do Google

Os tipos do Google têm estado a desenvolver no maior segredo um projecto que tem em vista permitir-lhes analisarem as informações por eles recolhidas sobre cada utilizador (tanto das ferramentas que disponibilizam como das plataformas em que operam a publicidade... ou seja, sobre cada um de nós...) para poderem determinar o grau de influência de um determinado indivíduo sobre o grupo das pessoas com quem ele se relaciona na Net. Nada mais, nada menos. Para quê? Muito simples: para depois o Google conseguir, através disso, ajustar a publicidade online aos destinatários de uma forma que lhes assente «que nem uma luva» (e se ela for com o aval implícito desse «opinion-maker», tanto melhor...)

Agora adivinhe lá quais são as melhores plataformas para eles conseguirem recolher essa informação? São as redes de «social networking» (onde a malta mais jovem se costuma expôr completamente), pois claro.. Não há que enganar... Percebe agora porque é que em 2006 o Google aceitou pagar à News Corporation qualquer coisa como 900 milhões de dólares pelo exclusivo da exploração da publicidade no MySpace durante três anos? Apesar de (pelo menos aparentemente...) até à data esse acordo só tenha conseguido desgastar 1.5% das margens brutas do Google, a realidade é que permitiu aos responsáveis do motor de busca testarem e apurarem as novas técnicas. Ou seja, imagine um algoritmo que consiga indicar o quão influente você é junto das pessoas que o rodeiam e determinar o perfil das pessoas que constituem a sua comunidade. Incrédulo? Pois olhe que o Google já submeteu o pedido de patente...

Esse cálculo será bem complexo: terá de ser multi-critério e de ter em conta uma panóplia de factores bem distintos (designadamente descobrir quantas pessoas você conhece, saber com que frequência as contacta, que forma elas valorizam a sua opinião, se essas pessoas têm poder de compra, etc...) Mas do ponto de vista dos anunciantes fará toda a diferença, pois poderão lançar as campanhas online com uma garantia de eficácia sem precedentes. Simples, não é? Como é que o Google teve esta ideia? Basicamente apoiou-se nas conclusões que já tinha retirado no desenvolvimento do algoritmo do seu motor de busca: descobrir quais os sites mais relevantes e torná-los lucrativos através de anúncios contextualizados.

Para isso começou por determinar quais os sites que tinham mais links de outro sites a apontarem para eles, a recomendá-los (os chamados «authority sites») e deu-lhes uma pontuação maior (o SERP, sigla de Search Engines Results Page, uma espécie de ranking) e mais destaque. E o que são links senão ligações? Ligações entre páginas, entre informação? Não senhor. Devem sobretudo ser encarados como ligações entre pessoas, entre os destinatários dessa informação... E como o Homem é um animal gregário (normalmente...), um ser que gosta de viver em comunidade, se essas pessoas partilharem interesses comuns irão por certo privilegiar os seus denominadores comuns e irão unir-se em comunidades, interagindo entre si. Além do MySpace há vários outros sites de «social networking» que já perceberam isso e até já estão a cruzar informações entre si: veja-se o Facebook, o LinkedIn, o Plaxo, etc...

Dessa forma, para cada um dos Membros dessas comunidades, será mais fácil somarem-se todos os aspectos referidos e a pontuação de um determinado indivíduo poderá ser comparada com qualquer outra pessoa no mundo. Ou seja, o Google e os anunciantes poderão logo perceber o valor de uma determinada pessoa enquanto agente ou mesmo veículo (pode ler-se instrumento, também...) das campanhas publicitárias. A nova tecnologia poderá descobrir não só quantos amigos cada um de nós tem no MySpace ou no Facebook mas também quantos amigos os nossos amigos têm. Se no total o grupo tiver uma boa dimensão, isso já fará de nós tipos particularmente influentes. O sistema do Google também permitirá saber com que frequência as pessoas publicam «posts» nos sites uns dos outros e analisar os temas preferidos.

A partir daí, será fácil saber se temos sucesso a angariarmos amigos, ou a cativarmos leitores para as nossas histórias, ou para verem um clip de vídeo... Portanto – corrija-me se estiver enganado, estimado leitor –, tudo indica que dentro de pouco tempo o Google não se limitará apenas a mostrar as páginas Web mais influentes: pessoalmente, suspeito que irá alargar isso primeiro às comunidades online e depois às próprias pessoas... Não sei a sua opinião, mas eu cá, assim à primeira vista, não me parece que venha a gostar muito da ideia...

(Enviado por leitor)

tags:
por João Severino às 14:32
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Domingo, 28 de Setembro de 2008

É isso mesmo, hermano!

pau para toda obra - WordReference Forums

pau para toda obra Português-Español. ... pau para toda obra". Creo que es algo así como que "sirve para todo" cuando se dice de una cosa, ...
forum.wordreference.com/showthread.php?t=210534 - 39k -
tags:
por João Severino às 18:15
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008

66666

No contador de visitas ao PPTAO vi este número bonito - 66666. Segundo o registo no Sitemeter hoje alcançámos o maior número de visitas num só dia - 368 - desde que se iniciou a contagem. Agradeço a todos.
tags:
por João Severino às 23:59
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 23 de Setembro de 2008

Apresentação da rede PNET

No próximo dia 9 de Outubro, 5ª feira, pelas 18.30 horas, terá lugar no Auditório Byblos - Amoreiras, em Lisboa, a apresentação pública da Rede PNET on line, seguida de Conferência/Debate, sob o lema: "As Formas, outras, da Língua Portuguesa (As crónicas, as Artes Plásticas e a Internet).

tags:
por João Severino às 18:03
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sábado, 20 de Setembro de 2008

Blogger avariado

Tem sido muito difícil colocar mensagens no blogue, pois o blogger.com está com um péssimo serviço e o automatismo avariou há três dias. A paciência esgota-se.
tags:
por João Severino às 16:32
link do post | comentar | ver pauladas (2) | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 15 de Setembro de 2008

Inédito

Ao consultar as estatísticas do PPTAO no Sitemeter verifiquei um caso inédito que aconteceu este fim-de-semana. O número de visitantes no sábado foi exactamente o mesmo que no domingo - 221.
tags:
por João Severino às 10:53
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008

Convite honroso

Fui convidado para integrar um projecto jornalístico que muito me honrou. A "culpa" foi do PPTAO. Alguém que gostou da minha produção aqui no blogue e que me transmitiu que este "recreio" deveria passar ao sério numa estrutura profissional. Irei estudar os detalhes para trabalhar para o convite. Mas descansem, porque o PPTAO não irá fechar as portas.
tags:
por João Severino às 10:37
link do post | comentar | ver pauladas (10) | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 8 de Setembro de 2008

Portal Portugal Net cada vez maior


O grupo portugalnet com vários sites na internet está continuamente a valorizar-se. Acada de ser disponibilizado ao público mais um site de grande interesse, o PNETliteratura.

http://www.PNETliteratura.pt

tags:
por João Severino às 14:58
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Domingo, 24 de Agosto de 2008

55555

No contador de visitas na nossa barra lateral vi hoje o número bonito de 55555. Obrigado a todos.
tags:
por João Severino às 18:32
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 5 de Agosto de 2008

Blogando com prazer (126)


Fome por dívidas











Definitivamente em Portugal a coisa enegrece.
O programa Petróleo por Alimentos que fez do Iraque
de Sadam durante anos uma tragédia humanitária,
adequa-se como modelo ao que muitos portugueses optaram por fazer:
passam fome e trocam a fome talvez pelo plasma, pelo carro e pela casa.
kjh
Ainda bem que existe o Banco Alimentar que, ao que consta, não perde milhões
na Roleta Russa Bolsista e dá de comer a quem assim tão mal vai.

Joshua, in PALAVROSSAVRVS REX (nossos links)
tags:
por João Severino às 19:17
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 4 de Agosto de 2008

Nós e os outros (18)

Os blogues dos outros


A confusão que vai por Pequim na relação das autoridades com os jornalistas e os media é típica de uma verdadeira opereta. Condicionar os conteúdos de acesso dos jornalistas à Internet é das maiores infantilidades que tenho visto cometida em política. Sobretudo, quando todos os olhos do mundo estão postos em Pequim e as agências e estações correm para "caçar" notícias capazes de lhes dar os prime rate das 8:00 o'clock news. Ao escolher uma estratégia de condicionamento e afrontamento com os media ocidentais as autoridades correm riscos absurdos e nada inteligentes. E revelam uma absoluta falta de sentido táctico e de pragmatismo. As Olímpiadas são um mês apenas de exposição e cobertura noticiosa internacional. Depois, como um balão a esvaziar, desaparecerão do pequeno écran. Ao darem excessiva importância a questões marginais aos jogos as autoridades desperdiçam os créditos políticos que poderiam extrair deste grande acontecimento internacional. Só faltava - para partir o resto da louça -prenderem ou baterem a jornalistas durante os Jogos.
Mas ninguém tem bom senso em Pequim?


Arnaldo Gonçalves, Exílio de Andarilho

O que mais me diverte no actual PCP é a sua paixão pela China, a mesma China que em tempos odiou, que fez frente ao PCUS e ainda chegou a andar aos tiros na fronteira com a ex-URSS, para não referir o conflito armado que manteve com o Vietname na disputa pelo Cambodja. O facto é que a China dividiu o mundo comunista e a história veio a mostrar que, afinal, o PCP estava do lado errado, a URSS sucumbiu e a China sobreviveu. Solução? Esquecer o que se disse o passado e com o mesmo empenho com que se defendia a URSS da China defende-se agora a China, o maior sapo que os comunistas portugueses já tiveram que engolir.

Jumento, O Jumento

Ao bom estilo português aconteceu tragédia em São João da Madeira. Um alarme (falso) anunciou a existência de um engenho explosivo no pavilhão desportivo Paulo Pinto. A PSP deslocou-se para o local. À boa maneira portuguesa - baseada no total improviso - o comandante da polícia local subiu para o telhado do pavilhão sem ser através de uma escada Magirus ou de outra forma que lhe desse uma total segurança. Nem sequer foi equacionada a possibilidade das telhas não suportarem o peso de um homem. E na verdade, não suportavam. Quando o agente policial caminhava no telhado partiu-se uma telha e caíu desamparado de uma altura de 10 metros. Está em estado crítico no hospital...

João Severino, Pau Para Toda a Obra

Em "visita-relâmpago" a Portugal, o lateiro Hugo Chávez e os "armários" que lhe protegem a carcaça comportaram-se como se estivessem na Venezuela, como se viu na deslocação de "el presidente" à Fundação Mário Soares, mostrada pela televisão. Rua cortada e populares impedidos de circular, jornalistas empurrados e bloqueados, agentes da PSP humilhados pela arrogante legião de "seguranças" de Chávez, que deixou Soares à sua espera mais de uma hora, sentado à porta da chafarica (é no que dá ter "amigos" entre gente desta - e é bem feita). Um governo, um ex-Presidente da República e uma cidade de calças deitadas abaixo e de rabo para o ar por causa de um Tapioca com petróleo. O retrato de Portugal no início do século XXI.

Victor Abreu, Jantar da Quartas

O PR fez um «alerta aos portugueses» por entender ver ameaçado o «equilibro dos poderes».
E quer que os portugueses façam o quê?
Que punam todos os partidos parlamentares? Que o vejam como garante contra a malandragem?
A coisa não se resolvia com uma mensagem à AR, com umas conversinhas com os líderes ou com o já tradicional vetosinho de verão?
Afinal, quem é que desequilibrou os poderes instituídos, passando por cima do sistema político?


Gabriel Silva, Blasfémias

Muito gosta este Cavaco de tabus. O de ontem era bom. Suspense e curta duração, anunciado de manhã, revelado à noite. De tal forma que às 7 horas já estava plantado em frente à televisão. Claro que por à força da falta de hábito, às 8 já tinha adormecido há pelo menos 40 minutos e não vi nada. Ouvi na rádio, às 9.
Este Cavaco no fundo é um brincalhão. Quis animar a malta antes das férias e pôs-nos a imaginação a trabalhar durante o dia.
Eu fui ponderando vários cenário. O que justificaria o PR interromper as férias para fazer uma comunicação ao país? Uma ameaça de atentado? A revelação de um atentado abortado a tempo? Vai demitir o governo? Vai demitir-se? Estará doente?
E fiquei desiludido. Afinal a montanha pariu um rato, ou com mais propriedade, o vulcão pariu nove ilhas. Uma desilusão. Ainda tinha como última hipótese o senhor ir presentear-nos com um vídeoclip inédito do "1 de Agosto" dos Xutos. Isso sim justificava, mas não, nem isso. Estatuto de não sei quê dos Açores.
Ainda bem que eu não percebo nada de política porque na minha limitada cabeça mais se justificaria ir à televisão explicar qualquer coisa sobre o Tratado de Lisboa, conteúdo e já agora o facto de não ter sido referendado por cá do que um assunto que me parece que bastava ter reunido com os líderes partidários ou parlamentares para resolver.
O que eu gostava de ver hoje era uma sondagem "sabe de que é que o Presidente estava a falar?".
A única coisa que me chamou a atenção foi o facto de os Deputados da Assembleia da República terem aprovado por unanimidade uma "coisa" que continha oito "coisas" inconstitucionais. É como dar aos senhores deputados um daqueles desenhos "descobre as oito diferenças" e entre todos ninguém descobrisse nem uma. Mas temos bons políticos, dizem os próprios.
Eu pelo menos fiquei a perceber melhor porque é que não percebo nada de política.


João Moreira de Sá, Arcebispo de Cantuária

Leocardo, in Bairro do Oriente (nossos links)
tags:
por João Severino às 16:24
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 29 de Julho de 2008

i.m@il (26)

Entre alguns heróis, há aqueles que nunca morrem...
Nem mesmo quando comemoram 120 anos de idade!

“Ser poeta não é uma ambição minha
É a minha maneira de estar sozinho”
(Alberto Caeiro, «o Guardador de Rebanhos»)

Tiago Barra, in Dogville (nossos links)
tags:
por João Severino às 18:57
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 24 de Julho de 2008

Leitor do dia (80)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 106 países e estamos neste momento com 45.436 visitas. A média diária de page views (sitemeter) indicada hoje é de 476. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Windhoek - Namíbia. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 18:45
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 22 de Julho de 2008

Leitor do dia (79)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 102 países e estamos neste momento com 44.536 visitas. A média diária de page views (sitemeter) indicada hoje é de 475. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Borba, Évora. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 10:38
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Domingo, 20 de Julho de 2008

Leitor do dia (78)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 101 países e estamos neste momento com 43.901 visitas. Esta semana foram vistas 3,300 page views (sitemeter). O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Ciudad del Este, Alto Parana - Paraguai. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 16:51
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sábado, 19 de Julho de 2008

Leitor do dia (77)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 101 países e estamos neste momento com 43.680 visitas. A média diária de page views (sitemeter) cifrou-se em 516. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Corunha - Espanha. Grande abraço e volte sempre. Olé!
tags:
por João Severino às 17:25
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Nós e os outros (17)

Os blogues dos outros


Segundo o presidente da Junta de Freguesia da Apelação, na Quinta da Fonte não se paga renda, não se paga a água, não se paga a luz e não se paga o gás. Os funcionários das empresas têm medo de fazer a leitura dos contadores e a autarquia não consegue forçar o pagamento de rendas. No pasa nada.

João Caetano Dias, Blasfémias

Só pela abolição das maiúsculas iniciais nas estações do ano e nos meses, já se justificava defenestrar o Acordo Ortográfico. Nunca escreverei Fevereiro e Outono e Abril e Primavera de cabeça baixa. Jamais me conformarei à vergonha que políticos e académicos minúsculos aprovaram. O meu desacordo é capital.

Valupi, Aspirina B

No Centro Comercial Colombo, em Lisboa, a Sonae tem vindo a construir uma torre de vários andares. Acontece que a obra está suspensa devido a graves anomalias técnicas por parte da empresa construtora que obteve a adjudicação. Com quase dez pisos construídos foram detectadas irregularidades graves ao ponto de existir uma desigualdade métrica entre a base do imóvel e os pisos superiores. E agora? Vai tudo abaixo?
Dispensamo-nos de referir o nome da construtora para não prejudicar a sua "imagem de marca"...


João Severino, Pau Para Toda a Obra

Falta um mês para os Jogos Olímpicos. Claro que há sítios no país onde vai ser difícil sentir a vibração (quase histérica) que se vive em Pequim. Há sítios sem televisão e sem logos olímpicos. Há sítios onde não se sabe quem é o Sarkozy e ninguém se preocupa se ele vem mesmo para a abertura dos Jogos. Há tantos sítios....

Maria João Belchior, China em Reportagem

Acordar uma pessoa que está a dormir para ir dormir.
Adormecer ali no quentinho conforto do sofá até que uma voz, de pai, mãe, mulher, nos diz "estás a dormir, vai-te deitar". Correcção, eu estava a dormir, agora acabei de ser acordado e quanto ao conceito de deitar, que eu saiba nunca por uma vez que fosse adormeci em pé para justificar a parte do "vai-te deitar". No fundo é o mesmo que dizer "estás a dormir, acorda para ires dormir". Dito assim já não tem lógica mas no fundo é isso que se faz.
E a chatice é que sempre, invariavelmente, no meu caso, estava a dormir bem e depois de acordar para me ir deitar já não consigo dormir, demoro a adormecer e não é tão bom.


João Moreira de Sá, Arcebispo de Cantuária

dizer mal dos outros é a maneira que o homem arranjou para dizer mal dos outros.

João Gaspar, Last Breath

É o novíssimo gadget da moda, o mais recente troféu do novo-riquismo das telecomunicações 3G. O iPhone da Apple já está à venda em Portugal e custa entre 500 e 600 euros - o mais caro em toda a Europa. Ontem, houve filas em Lisboa e no Porto para admirar e comprar a novidade. Os pedidos de aparelhos recebidos pela Optimus e pela Vodafone já estarão perto das 50 mil unidades. E ainda falta a TMN. Pelintra e endividado, Portugal afunda-se cada vez mais no buraco da crise, mas vai todo contente, agarrado ao seu iPhone novo.

Eurico de Barros, Jantar das Quartas

Leocardo. in Bairro do Oriente (nossos links)
tags:
por João Severino às 14:21
link do post | comentar | ver pauladas (2) | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 17 de Julho de 2008

PPTAO em 101 países

O nosso blogue já foi visitado em 101 países e territórios. A saber: Portugal; EUA; Macau; Reino Unido; Holanda; Peru; Angola; Moçambique; Brasil; Suécia; França; Espanha; Luxemburgo; Canadá; Uruguai; Hong Kong; Índia; Turquia; Chile; Argentina; Austrália; Israel; Alemanha; Bélgica; Rússia; Indonésia; Filipinas; Tailândia; Malásia; Suíça; México; Bulgária; Grécia; Argélia; Equador; Noruega; Itália,; Maurícias; Singapura; Dinamarca; S. Tomé e Príncipe; Lituânia; Mauritânia; Croácia; Bolívia; Japão; Roménia; Irão; Venezuela; Irlanda; Polónia; Nova Zelândia; Áustria; Hungria; Finlândia; Coreia da Sul; Tunísia; Timor-Leste; Cabo-Verde; Ucrânia; Gana; Arábia Saudita; Quénia; República Checa; Egipto; Kuwait; África do Sul; Vietname; Eslováquia; Gronelândia; Guiné-Bissau; Taiwan; Liechtenstein; Senegal; Tanzânia; Congo; Colômbia; Paraguai; Jordânia; Sérvia; Islândia; Eslovénia; Paquistão; Nicarágua; Bósnia-Herzegovina; Ivory Coast; Líbano; China; Iraque; Bangladesh; Oman; Emirados Árabes Unidos; Palestina; Qatar; Porto Rico; Nigéria; Estónia; Polinésia Francesa; Somália; Guatemala e Panamá.
tags:
por João Severino às 22:05
link do post | comentar | favorito
| partilhar

i.m@il (25)

"O poder desgasta, mas a oposição desgasta mais."

Giulio Andreotti


Pedro Correia, in Corta-Fitas (nossos links)

tags:
por João Severino às 15:29
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 16 de Julho de 2008

Leitor do dia (76)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 99 países e estamos neste momento com 42.841 visitas. A média diária de page views (sitemeter) cifrou-se em 537. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Díli - Timor-Leste. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 19:26
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Um dinheirão...

O nosso blogue PPTAO já vale um dinheirão como aqui se prova. Aceitam-se ofertas de compra...


My blog is worth $22,581.60.
How much is your blog worth?


tags:
por João Severino às 12:19
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
| partilhar
Terça-feira, 15 de Julho de 2008

Leitor do dia (75)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 98 países e estamos neste momento com 42.570 visitas. A média diária de page views (sitemeter) cifrou-se em 531. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Ponte da Barca, Viana do Castelo. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 22:06
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Segunda-feira, 14 de Julho de 2008

Nós e os outros (16)

Os blogues dos outros


É com muito gosto que dou início a uma nova rubrica, que pretende compilar as melhores postas dos meus colegas bloguistas, todos eles de excelsa qualidade. Esta rubrica será semanal, assim como a rubrica "Leituras". Com a devida vénia, aqui fica o melhor dos melhores. Obrigado e um abraço a todos.

Debater o estado da Nação? Para quê? Qualquer pessoa que tenha que se levantar de manhã para ir trabalhar, ouça as notícias, abra a caixa do correio e veja as contas para pagar, almoce fora todos os dias, ponha gasolina no carro, tenha filhos a estudar, recorra ao sistema de saúde, vá fazer compras ao hipermercado ao fim-de-semana, veja os preços de tudo sempre a subir e o ordenado a ficar cada vez mais para trás, e precise de desenvolver dotes de contorcionismo contabilístico chegado o fim do mês, sabe, infinitamente melhor do que qualquer deputado, ministro, membro da nomenklatura ou que o "menino de ouro", qual é o estado da Nação.

Victor Abreu, Jantar das Quartas

Triste, triste, triste o debate sobre o estado da Nação que decorreu esta tarde na Assembleia da República. Um debate que em nada contribuiu para uma melhoria na situação caótica em que se encontra a economia portuguesa. Assistiu-se a uma desilusão completa no que respeita às intervenções dos líderes políticos, chegando o primeiro-ministro a aproveitar-se de uma intervenção de Francisco Louçã, quando este deu um exemplo elucidativo de Robin dos Bosques e dos seus ladrões, para deturpar o sentido da intervenção e acusar Louçã de estar a insultar entidades empresariais e o governo. Um momento degradante por parte de José Sócrates e que constituiu o momento de mais baixo nível da sessão e que me levou a desligar o televisor.

João Severino, Pau Para Toda a Obra

O presidente da FIFA, Joseph Blatter, apelida de “escravatura moderna” o facto de um jogador que ganha 100 mil euros mensais (por hipótese) ser obrigado a respeitar um contrato de trabalho de 3/4 anos com o clube com o qual livremente celebrou tal acordo. Fiquei preocupado com este raciocínio, porque dele discordo completamente.
Depois, Cristiano Ronaldo veio afirmar que concorda inteiramente com o presidente da FIFA. Fiquei obviamente mais descansado. Se tivesse a mesma opinião do CR é que era preocupante...


VICI, MACA(U)QUICES

Nas discotecas ouvem-se os hits do verão. Nas casas de strip ouvem-se os hits do varão.

João Moreira da Silva, Arcebispo de Cantuária

se a vida te dá limões, faz limonada, disse um confúcio qualquer. se a vida te dá vinho, maçãs e laranjas, vais ao chinês comprar gelo e seven up e fazes sangria.

João Gaspar, Last Breath

És um gajo porreiro
mas às vezes bebes demais
não te sabes comportar
nada receies
gosto de ti como és
só acho que por vezes exageras
devias de ter maneiras
Prontos, não chores, só digo que
para um gajo que criou o universo
és um bocado desleixado, sabes que
isso é verdade mas não tenhas medo
gosto de ti à mesma, és um curtido
gramo-te à brava
acho-te baril como o caraças.
A sério, acho-te porreiro
verdade seja dita, nem sempre
estás ao teu melhor nível
mas acontece a qualquer um
um dia não são dias
e sete dias não dá para nada
eu sei, já passei por isso
uma pessoa tem projectos e ó depois
as coisas saem furadas
o trânsito também não está fácil, mesmo o
metafísico
e tu ainda por cima
nem sequer podes culpar o governo
é uma chatice, enfim, ainda te vais safando
com a porra do livre arbítrio
mas o certo certinho é que
já tivestes melhores dias.
Enfim, não desesperes
continuo a crer em ti, não tenhas medo
hoje até estou com uma fezada
e é sempre um grato prazer
partilhá-la contigo.
(Tens, é claro, é que manter segredo.)


Rui Zink, Rui Zink versos livro
tags:
por João Severino às 16:54
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Domingo, 13 de Julho de 2008

Blogando com prazer (125)

Caloira laboral

Tive um arrepio na espinha piedoso esta manhã, num Pingo-Doce perto de mim.
Tudo estava normal nas respectivas prateleiras.
Os vegetais entre os vegetais. Os doces entre os doces.
Os laticínios entre os laticínios. As carnes com as carnes.
Os mesmos reformados e mães de família cabisbaixos
nas mesmas compras escassas e residuais.
Os mesmos imigrantes, com as suas latas de conserva, as suas Vodka-Negra,
os seus telefonemas intermináveis
nas suas línguas guturais e ásperos sons consonânticos.
lkj
Mas depois, na caixa, tremendo muito, figurava uma jovenzinha,
muito jovem, jovem a doer, nova ali, frágil, assistida por uma hirta funcionária mais velha,
que a ladeava, notoriamente mais experiente, mais calejada e controlisticamente sisuda.
A mocinha estava numa tensão que me gerou dó sincero.
Olhei sistemicamente para ela como fruto de um telefonema sistémico:
«Está, é da Jerónimo? Daqui é o PM.
Menina, ligue-me com o Chefe... Está? Jerónimo? Porreiro!
Ó pá, era só para te lembrar que está na hora de, a nível nacional, exacto!,
encaixares, pois,... encaixares aí provisoriamente
uns milhares de contratados. Sim... Sim. Tínhamos combinado.
Os números, pá, os números do desemprego, pá...
Sim, sim, esganam-me a reeleição.
Fazes isso? Ok. Porreiro, pá.»
lkj
A jovenzinha tinha um ar de não acreditar no que lhe estava a acontecer:
estava a trabalhar. O dinheiro dos clientes fluía-lhe num movimento de tear mecânico:
mãos, máquina registadora e mãos novamente
sob a forma de trocos entregues por cima do recibo na concha manual estendida dos clientes.
Muito tímida, muito enfiada, cumpria penosamente a sua tarefa.
Um ar de medo punha-a sombria como se em casa sofresse violências.
Registei a sua semelhança a uma Hepburn portuguesa, ar inocente, bela e insegura,
e em microssegundos como que sofri com ela
esta simples fase iniciática laboral em que os dias se sucedem iguais, amedrontados,
os automatismos e os hábitos se adquirem e fortalecem o ânimo,
o sorriso mais seguro e esperançoso começa a florescer,
até que, inesperadamente, precisamente aí, dentro da experiência e do calo,
antes de o prazo de todas as caducidades caducar,
alguém lhe vem dizer a contra-corrente:
«Eh, pá, menina, olha, isto vai mal... Vamos ter que fazer uns cortes no pessoal...
Para o próximo mês já não contamos contigo. Passa na Contabilidade
para fazermos contas.»
lkj
Em Portugal, o desemprego abate-se sobre experientes e calejados.
Quanto mais não se abaterá sobre caloiras laborais, como esta menina Pingo-Doce.

Joshua, in PALAVROSSAVRVS REX (nossos links)
tags:
por João Severino às 23:25
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
| partilhar

Leitor do dia (74)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 98 países e estamos neste momento com 41.897 visitas. A média diária de page views (sitemeter) cifrou-se em 496. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Okinawa - Japão. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 22:17
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sábado, 12 de Julho de 2008

Leitor do dia (73)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 98 países e estamos neste momento com 41.574 visitas. A média diária de page views (sitemeter) está a cifrar-se em 414. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO na Cortegaça, Aveiro. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 19:14
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sexta-feira, 11 de Julho de 2008

Leitor do dia (72)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 98 países e estamos neste momento com 41.077 visitas. A média diária de page views (sitemeter) está a cifrar-se em 380. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO na Polinésia Francesa. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 10:57
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quinta-feira, 10 de Julho de 2008

Leitor do dia (71)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 97 países e estamos neste momento com 40.743 cliques. A média diária está a cifrar-se em 350. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Braga. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 15:50
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Quarta-feira, 9 de Julho de 2008

Nós e os outros (15)

em defesa do nosso capitão


onde há fumo há fogo (excepto para um conhecido advogado da praça portuguesa que disse, a esse propósito, que "quando abre o congelador, sai fumo, mas não há fogo).
ora, alertado pelo pptao e pelas últimas notícias que nos chegam do seixal, quero aqui deixar claro o seguinte:
1. se é verdade que já critiquei muitas vezes o Nuno Gomes, não é menos verdade que, por vezes, criticamos quem gostamos;
2. se é verdade que o Nuno Gomes não tem tido grande produção no Benfica, não é menos verdade que nem sempre é bem acompanhado;
3. se é verdade que Nuno Gomes não é um ponta-de-lança, não é menos verdade que dele se espera sempre mais;
4. se é verdade que o Nuno Gomes vai ser corrido do Benfica, não é menos verdade que não renovarei o meu cativo.
5. se é verdade que o quique está a deitar porta fora um dos grandes benfiquistas do plantel, não é menos verdade que o estão a deixar fazer isso;
6. se é verdade que quique está a pôr de lado Chalana e Diamantino, não é menos verdade que isso já se esperava.
uma entrada com o pé esquerdo é tudo o que não queremos... já nos basta ter riscas pretas no manto sagrado!
tags:
por João Severino às 22:21
link do post | comentar | ver pauladas (2) | favorito
| partilhar

Leitor do dia (70)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 96 países e estamos neste momento com 40.333 cliques. A média diária está a cifrar-se em 350. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Reykjavick, Gullbringusysla - Islândia. Grande abraço e volte sempre.
tags:
por João Severino às 14:39
link do post | comentar | favorito
| partilhar

i.m@il (23)

"Reza a piada que as mulheres nunca foram à Lua porque lá não há nada para limpar..."

Álvaro Damiaças, in Nos Cromos do Cosnos (nossos links)


tags:
por João Severino às 11:26
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Terça-feira, 8 de Julho de 2008

40.000 em oito meses

O Pau Para Toda A Obra (PPTAO) tem de sentir-se orgulhoso ao verificar que o contador de visitas assinalou o bonito número de 40.000 em oito meses de contagem. Para um blogue unipessoal pensamos que este número é extraordinário. De referir, obviamente, que isto se deve única e simplesmente a todos vocês que continuam a preferir-nos. Grande abraço.
tags:
por João Severino às 15:31
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Leitor do dia (69)

O nosso blogue PPTAO já foi visitado em 95 países. A média diária está a cifrar-se em 350 cliques. O leitor ou a leitora que hoje contemplo nesta rubrica visitou o PPTAO em Alice Springs, North Territory - Austrália. Grande abraço e volte sempre. Bye mate.

tags:
por João Severino às 15:22
link do post | comentar | favorito
| partilhar

pptao

Um blogue onde deixarei simples observações sobre o que vai acontecendo à nossa volta neste mundo global. Também serve de contacto com imensas pessoas que gostaram de mim. O título do blogue? Porque sempre fui "pau para toda a obra". Obrigado por ter vindo. “Morrendo estou na vida, em morte vivo; / vejo sem olhos, e sem língua falo; / e juntamente passo glória e pena.”, Camões

widgets

arte

João Eduardo Severino

Create Your Badge

a frase

"A vida é muito curta para termos inimigos"
Ayrton Senna

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

links

arquivos

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

cv

Jornalista com a Carteira Profissional nº 278. Já restam poucos do meu tempo. Como último cargo fui director e proprietário do diário 'Macau Hoje'. Pode ler o meu CV completo na primeira mensagem de Outubro de 2007.

subscrever feeds

visitantes


widgeo.net

tags

todas as tags