Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pau Para Toda A Obra

Pau Para Toda A Obra

Bruxo Cabral


O nosso colaborador Jorge Cabral parece que é bruxo. Em fins de Fevereiro, quando anunciámos que o PPTAO tinha batido o recorde de visitas ultrapassando as 11.000, Jorge Cabral enviou um comentário dizendo que no final de Março o nosso blogue iria chegar às 15.000. Afinal, ficámos à beira das 16.000, com o número fantástico de 15.920 visitas. Parabéns a vocês e ao "adivinho" Jorge Cabral.

Santos Silva quer guerra

O ministro dos Assuntos Parlamentares, Augusto Santos Silva, quer que o presidente do Sindicato de Magistrados do Ministério Público (SMMP), João Palma esclareça publicamente as “pressões” sobre magistrados a que se referiu quando foi eleito, no passado sábado. Santos Silva considera “gravíssimas” as declarações de João Palma e afirma que estas “não podem ficar sem consequência”.
“O presidente do SMMP tem de dizer quais as pressões a que se referem, em que é que consistem, sobre quem se exercem e sobretudo quem as exerce ou tenta exercê-las”, afirmou à entrada das jornadas parlamentares do PS, que decorrem em Guimarães até amanhã.

Dá choque


choque porque é chocante. A senhora choca quem a ouve. Ana Paula Vitorino foi colocada na função de secretária de Estado dos Transportes, mas quem a ouve pensa que se trata de uma chanceler alemã ou uma primeira-ministra britânica. Fala pelos cotovelos e com doses redobradas de absurdo. Desde que está no Goveno já engordou uns sete quilos, possivelmente em resultado das almoçaradas que tem de ter com os grandes empresários que irão construir as pontes, viadutos, túneis, aeroportos e comboios de alta velocidade.
Ontem, na televisão, Ana Paula chocou quantos a ouviram. Chocou, indignou e revoltou. O seu Governo pede sacrifícios aos portugueses e propaga o discurso da tanga devido à crise internacional e a senhora anuncia que os concursos para o TGV são já "amanhã"... que em 2010 inicia-se isto e mais aquilo e aqueloutro. E pronuncia-se assim: "nós vamos fazer em 2010... blá, blá, blá...".
Pede-se-lhe mais respeitinho, respeito pelos outros políticos e outros partidos que irão concorrer às eleições. Ana Paula Vitorino já dá como certa a vitória do seu partido (dito socialista), tão certa e com nova maioria absoluta para que, em 2009, já possa decidir sobre o que terá de acontecer em 2010. E se o PS não vencesse as eleições? E se um novo governo não concordasse com os projectos, ideias e decisões da senhora toda-poderosa Ana Paula?
Um conselho: comece a cortar nas almoçaradas porque alguém a anda a enganar... são calorias a mais e o cérebro pode rebentar!

Ano de eleições

O milagre das rosas este ano é mensal. Explico: todos os meses o Geverno contempla-nos com uma nova medida no sentido de agradar ao povinho. Há eleições e é preciso começar a caçar votos.

Acaba de ser anunciado que vão ser entregues às autarquias 175 milhões de euros de fundos comunitários para 50 escolas que se encontram em estado de degradação. 31 obras vão avançar dentro de três meses.

Este Governo é mesmo um pau para toda a obra...

...

José Sá Fernandes ficou chocado com a escolha de Domingos Névoa para presidir a empresa municipal.

E Domingos Névoa não ficará chocado com a escolha de Sá Fernandes como o novo parceiro do presidente da Câmara de Lisboa?...

Pág. 1/57