Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pau Para Toda A Obra

Pau Para Toda A Obra

QUEIROZ NEGOCIADO


> A Federação Portuguesa de Futebol devia ser encerrada por indecente e má figura. O caso Carlos Queiroz foi negociado constituindo mais um exemplo vergonhoso para todas as instâncias desportivas. Médicos são insultados e impedidos de exercer a sua função. Um facto grave registado na Covilhã no estágio da selecção portuguesa. Em vez do afastamento puro e simples do assistente de treinador com funções de seleccionador optou-se por o castigar com um mês de suspensão, porque "apenas" insultou, mas não impediu o trabalho da equipa médica anti-dopagem. O surrealismo está bem patente.
No caso de Queiroz ser suspenso por um mês da actividade de seleccionador, não podendo preparar a equipa para dois jogos importantes, que condições tem este senhor para se manter no cargo? Se eu fosse jogador da selecção participava imediatamente aos responsáveis que não jogava mais pela selecção se o senhor Queiroz se mantivesse como timoneiro do seleccionado.

TESTESMUNHOS DE QUEIROZ

> Alex Ferguson: "É muito bom como treinador-adjunto... muito bom para mandar entrar os suplentes!"

Luís Filipe Vieira: "Como benfiquista quando treinou o Sporting traiu o nosso clube... mas é bom para estar sentado na nossa bancada!"

Jorge Pinto da Costa: "Cumpriu sempre a rigor as minhas instruções para que o Ricardo nunca mais voltasse à baliza da selecção!"

Juiz: "Está tudo preso por mentirem ao tribunal!".

ATÉ O MARADONA

> A participação no Mundial de futebol por parte da Argentina não correu como os argentinos desejavam, apesar de Maradona não ser o alvo das críticas pelo sucedido. No entanto, numa reunião com os dirigentes da federação do seu país, Maradona não gostou do que ouviu e bateu com a porta. Maradona abandona a reunião com federação e deixa a selecção.
Um exemplo para Carlos Queiroz.

QUEIROZ ATÉ INSULTA OS MÉDICOS

> A Federação Portuguesa de Futebol tem de levar uma vassourada urgente. Madaíl & Co. têm de levar uns patins do tamanho da conta bancária deles. É uma vergonha o que se passa com a actuação de Carlos Queiroz e o compadrio existente à sua volta por parte dos dirigentes máximos do organismo. Depois de tudo o que se passou no estritamente futebolístico, o assistente de treinador até se dá ao luxo impunemente de insultar médicos.

RESULTADO DEMOLIDOR

> Ontem à noite, tive a paciência de assistir aquele programa abominável da SIC-N, "O Dia Seguinte", onde três pseudo comentadores prestam um mau serviço ao futebol. Como se falava dos espanhóis campeões mundiais e transmitiam imagens da festa em directo, fui ficando. Valeu a pena. Porque fiquei a saber que não sou só eu que pensa que Carlos Queiroz não tem, como nunca teve, condições para estar à frente da selecção portuguesa de futebol. O programa colocou a questão e os espectadores respondiam pelo telefone. O resultado, quando desliguei o televisor, era demolidor para o assistente de treinador.
82% das pessoas que pegaram no telefone e transmitiram a sua opinião achavam que Queiroz não tem condições para continuar...