Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pau Para Toda A Obra

Pau Para Toda A Obra

Netos: a testemunha da vida

Muita gente não tem filhos nem netos. Não me posso pronunciar sobre o sentimento de toda essa gente quando chega a velha e olha para trás relembrando o que foi a sua vida. Eu conheci agora os meus netos que vivem na Austrália e que me vieram visitar. Um dia inesquecível mas que ao chegar da noite o sono não quer nada connosco. Inicia-se uma retrospectiva do que foi a vida. Criar os filhos, eles crescerem, tornarem-se independentes, terem a sua vida e terem filhos. São os nossos netos que nos fazem cair na realidade que chegámos à chamada terceira idade. A velhice está aí e o que foi feito de bom ou de mau está feito. As lágrimas podem correr pela face mas já não curam os erros que fizémos. As lágrimas de alegria por se abraçar um filho ou um neto é que têm valor e significam que a vida valeu a pena.

2.08.2018 chegada dos netos.jpg

 

 

1 comentário

Comentar post