Terça-feira, 11 de Dezembro de 2012

Recorde de jornalistas presos

 

> Número de jornalistas presos no mundo atinge recorde.

 

 

por João Severino às 15:19
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sexta-feira, 2 de Novembro de 2012

Na Grécia a liberdade não está na bancarrota

 

> Tribunal de Atenas absolveu jornalista que divulgou prováveis devedores ao fisco.

 

 

por João Severino às 09:59
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quinta-feira, 1 de Novembro de 2012

A liberdade que a crise oferece

 

> Jornalistas gregos suspensos por crítica a ministro.

 

 

por João Severino às 10:07
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sexta-feira, 19 de Outubro de 2012

A Lusa em greve

 

> Os jornalistas da Lusa entraram em greve. Recebi um e-mail a perguntar-me o que penso do assunto. O que penso não o vou manifestar aqui porque iria prejudicar a luta dos trabalhadores da agência. Respondi ao e-mail simplesmente dizendo que são os mesmos trabalhadores que sempre rejeitaram a entrada de outros jornalistas ou, em certos casos, empenharam-se para que o bolo fosse somente comido por eles. Quando nunca existiu solidariedade naquela casa por quem poderia ser mais um, incluindo a aprovação da administração, como é que querem que alguém apoie a sua luta? A classe dos jornalistas conheço-a eu muito bem e o espólio analítico e conclusivo é muito triste.

 

 

por João Severino às 09:35
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 22 de Agosto de 2012

Afinal, o jornalista era político

 

> Jornalista Pedro Moura candidata-se pelo PS no maior círculo dos Açores.

 

 

por João Severino às 10:27
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sábado, 24 de Março de 2012

QUANDO SE AGRIDEM JORNALISTAS A DEMOCRACIA PASSOU A MERDA

 

> Polícias atribuem responsabilidade a quem deu ordem de actuar.

 

No Alentejo dizemos: "Tá bem dêxa, compadre!"...

 

por João Severino às 10:42
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 13 de Março de 2012

QUERIA VER-TE EM MACAU

 

> Mário Crespo. “As minhas crónicas nunca serão alteradas”...

 

 

por João Severino às 11:19
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2012

O CHORO DO JORNALISTA

 

> Quando um jornalista medita sobre as suas centenas de reportagens que realizou ou sobre os milhares de notícias que redigiu, parece que já nada o impressiona. Parece. Quando se medita sobre o que ainda se gostava de oferecer à comunidade e não se encontra forma de, então, há ainda muita coisa que impressiona.

Na televisão, sob imagens horríveis e revoltantes do que se está a passar na Síria, ouve-se: "Os corpos dos jornalistas estão ali debaixo dos destroços provocados pelo bombardeamento". Neste momento, não se aguenta, e chora-se.

Passados alguns minutos, na RTP chega Rita Ramos com uma reportagem extraordinária a merecer um prémio de verdadeiro profissionalismo. A jornalista mostra-nos como alguns dos 400 mil idosos, que vivem sozinhos, se encontram no centro de Lisboa ou no profundo Trás-os-Montes. Abandonados à sua sorte e apenas com a visita de duas briosas militares e um graduado da GNR. Uma reportagem que nos mostra como um homem vive sem casa de banho, sem água potável, sem electricidade, sem rádio, sem televisão e sem telefone. O idoso apenas salientou à reportagem que no dia em que morrer hão-de encontrá-lo já todo comido pelos ratos e pelas abelhas. Obviamente, que neste momento, também não se aguenta, e chora-se.

 

por João Severino às 21:34
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 2 de Fevereiro de 2012

QUANDO O JORNALISTA VIRA POLÍTICO

 

> É sempre triste. Muito triste a fraca figura de um qualquer jornalista que vira político. No caso de Pedro Rosa Mendes parece ter-se decidiu por andar nas bocas do mundo. Escreveu uns livros e parece querer promoção para a venda dos mesmos. Vai daí, resolveu dar a volta ao mundo a anunciar que lhe exerceram censura. Estamos a falar de liberdade de expressão ou de se tentar queimar um ministro? Se eu participasse num debate sobre esta questão seria muito duro para com os meus contestatários e aprenderiam uma verdade universal: não existe um jornalista que possa dizer que tem a total liberdade para escrever tudo o que lhe apetecer.

 

NOTA: Quem quiser pode organizar o debate desde que seja numa estação de rádio.

 

por João Severino às 10:38
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2012

ABUSO DE PODER

 

 

> O abuso de poder não é executado apenas nos gabinetes dos Ministérios e da Assembleia da República. A Rua Acácio de Paiva, em Alvalade, tem dois sentidos para o tráfego rodoviário. De repente, chega uma carrinha topo de gama Volvo, rola fora de mão e... estaciona mesmo em segunda fila e em contra-mão, para que o seu proprietário se deslocasse a uma loja situada ao lado da viatura.

 

- A viatura é de um ministro?

- Não!

 

- A viatura é de um deputado?

- Não!

 

- A viatura é do governador do Banco de Portugal?

- Não!

 

- A viatura é de um banqueiro?

- Não!

 

- A viatura é de um embaixador?

- Não!

 

- A viatura é do Cardeal-Patriarca?

- Não!

 

- A viatura é do Belmiro de Azevedo?

- Não!

 

- A viatura é do Américo Amorim?

- Não!

 

- A viatura é do Francisco Balsemão?

- Não!

 

- A viatura é do Mário Soares?

- Não!

 

- A viatura é do Stanley Ho?

- Não!

 

- Porra! De quem é o carro?

- É de um jornalista que se recheou bem em Macau...

 


 

por João Severino às 17:19
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Sábado, 28 de Janeiro de 2012

ANDO CHATEADO COM O SINDICATO

 

 

> O "meu" Sindicato dos Jornalistas já passou pelas mais variadas vicissitudes e até por lutas de tomada do poder interno. Todas as formações políticas adoram controlar sindicatos. Não sei bem por quê, já que os anarco-sindicalistas ensinaram-nos na génese da existência de sindicatos em Portugal que o poder sindical só o é verdadeiramente se vier de baixo para cima, ou seja, emanado dos sindicalistas para a cúpula directiva. Ora, isso, há muito que não acontece no nosso sindicalismo e num momento em que se rrealiza mais um congresso da Intersindical, aí está mais um exemplo do que é a mão prepotente de um partido sobre a organização sindical de base na escolha do líder sindical.

Quanto ao "meu" sindicato ando chateado com ele porque só recebo comunicados a indignar-se contra o facto consumado. Contra os despedimento dos jornalistas depois de eles já terem sido mandados para casa ou avisados para limparem as gavetas. O Sindicato dos Jornalistas tem de estar atento com muita antecedência ao que se vai passando, ou poderá vir a acontecer, nas empresas de comunicação social através dos seus delegados e protestar antes dos factos consumados, nomeadamente, organizar formas de luta antes dos despedimentos, promover greves antes do anúncio que a empresa vai reduzir custos, etc., etc..

Nunca pedi nada ao Sindicato dos Jornalistas [e se bem necessitei do seu apoio, mas se como desempregado tenho o direito a não pagar quotas, também acho que não tenho o direito de estar a provocar despesa ao sindicato em minha defesa]. Ainda há dias, tive de me defender em tribunal de uma acusação patética sobre algo que escrevi e defendi-me sozinho e saí-me bem. Mas isto, para dizer que o Sindicato dos Jornalistas não se pode limitar a lamentar e a protestar contra os desmandos e prepotências das entidades patronais de jornais, revistas, estações de rádio e de televisão só após a impossibilidade dos trabalhadores regressarem ao trabalho.

O Sindicato dos Jornalistas, por exemplo, por que não exige ao Governo que a legislação obrigue terminantemente que na criação de um novo órgão de comunicação social seja consultada a lista de jornalistas desempregados? Um facto simples e que poderia ajudar muitos associados a obter uma solução para as suas dificuldades profissionais e pessoais.

O que acabei de escrever não é uma crítica ao SJ, mas uma proposta solidária, já que nunca tive a oportunidade de colaboração, pois, em tempo de eleições, aparece sempre uma única lista de corpos directivos...

 

 

 

por João Severino às 10:01
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Sábado, 31 de Dezembro de 2011

HERÓIS SEM MEDALHA

 

> Em 2011 foram mortos dois profissionais da comunicação social por semana.

 

 

por João Severino às 11:28
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 18 de Outubro de 2011

perguntar não ofende

 

> Os comentadores-jornalistas que vão à RTP também são pagos?

 

por João Severino às 08:53
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 12 de Outubro de 2011

cavaco e os jornalistas

 

> O presidente da República foi dar umas graçolas sem piada nenhuma para o Clube de Jornalistas. Cavaco Silva saberá alguma coisa sobre jornalistas? Sobre a sua situação laboral? Sobre o seu sofrimento nos locais de trabalho ou no desemprego? Cavaco saberá também que o Clube dos Jornalistas não serve para nada a não ser para uns quantos senhores terem umas boas almoçaradas em local privilegiado, clube esse onde nem sequer pode penetrar a maioria dos jornalistas? Graçolas de presidente e de clubes inúteis são dispensáveis.

 

por João Severino às 10:03
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 20 de Setembro de 2011

o silêncio

 

> O silêncio é a nova forma de fazer política no Palácio de Belém. Cavaco Silva depois de andar a esconder aos portugueses tudo o que sabia sobre os desvios astronómicos nas finanças da Madeira, depois de aceitar impunemente o insulto de "senhor Silva", depois de aceitar vergonhosamente que a Assembleia Legislativa da Madeira não realizasse uma sessão extraordinária durante a sua visita oficial, vem agora reunir de emergência com o primeiro-ministro para decidir o... silêncio. Silêncio sobre uma matéria gravíssima à qual os portugueses estão empenhados em repudiar vivamente.

Não se pode aceitar que os nossos governantes e representantes da soberania nacional permitam que numa determinada região do país reine a desbunda, o roubo, o compadrio, a discriminação, o insulto, a prepotência, a lavagem de dinheiro, a falta de democracia e a ilegalidade. O presidente (a partir de hoje neste blogue "presidente" com pê pequeno) da República não pode proibir os jornalistas de entrar em Belém para que não se possa informar o povo da matéria inerente a um encontro importante com o primeiro-ministro. Todos temos direito à informação e não podemos admitir que a república de bananas existente na ilha da Madeira seja extensiva ao território de um país que se quer digno.

 

por João Severino às 10:47
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sábado, 27 de Agosto de 2011

olhem que admiração

 

> Está a dar muito que falar nos mentideros políticos e jornalísticos a notícia do 'Expresso' de que um jornalista do 'Público' foi escutado pelos serviços secretos. Mas qual é a admiração? Haverá ainda alguém que tenha dúvidas que não é um jornalista, nem dois, nem três, nem uma dúzia que são escutados, seguidos e a sua privacidade violada? Cá pelo meu lado, já venho assistindo a este filme há muitos anos...

Governo pede inquérito sobre acesso a registos telefónicos do jornalista Nuno Simas

 

por João Severino às 11:01
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Quarta-feira, 24 de Agosto de 2011

seguro

 

> Leio semanal e religiosamente as crónica do mestre Baptista-Bastos no 'DN'. Mas hoje fiquei perplexo. BB percorre a totalidade do texto preocupado com o paradeiro político de António José Seguro. BB estranha que Seguro não apareça a contestar a acção governativa da coligação. BB dá a entender que o  PS está na clandestinidade.

Mas vendo bem, o que é que Baptista-Bastos tem a ver com o PS?

 

por João Severino às 09:41
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sábado, 20 de Agosto de 2011

saraiva sem memória

 

> Nuno Saraiva, o jornalista do 'DN' que pensávamos só ter jeito para as "festinhas" organizadas pelo jornal e colocar-se a jeito para a foto do costume, veio hoje a terreiro para escrever que "tivesse sido um ajudante de José Sócrates a convidar Mário Crespo para ser correspondente da RTP em Washington e já o Carmo e a Trindade tinham, e bem, caído.".

Saraiva não tem memória. Aconteceu que no tempo do Sócrates registaram-se muitos convites destes. Só que, o 'DN' e outros jornais controlados pela máquina pidesca socratina não permitiam que o povão viesse a ter conhecimento...

E já agora, que história é essa do Carmo e a Trindade cairem "bem"? Quando se cai não é sempre mau?...

 

por João Severino às 10:54
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 9 de Agosto de 2011

reciclar antena 1

 

> Aos microfones da estação oficial Antena 1 deveria existir um pouco mais de profissionalismo. Os erros gramaticais, e não só, são usuais. Esta manhã, um dos correspondentes, durante o seu despacho, fartou-se de dizer BEM "controladores de tráfego aéreo". Pois, acto contínuo, o noticiarista que estava em estúdio referiu-se aos "controladores aéreos". Certamente, queria referir-se aos indivíduos que andam pelo ar com asas de anjinhos...

 

por João Severino às 10:26
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sábado, 6 de Agosto de 2011

jornalismo não é militância

 

 

> PSD e CDS: Um casamento de fachada que tem tudo para correr muito mal.

 

Uma análise de Ana Sá Lopes com a qual discordo em absoluto.

 

 

 

 

por João Severino às 11:27
link do post | comentar | favorito
partilhar

pptao

Um blogue onde deixarei simples observações sobre o que vai acontecendo à nossa volta neste mundo global. Também serve de contacto com imensas pessoas que gostaram de mim. O título do blogue? Porque sempre fui "pau para toda a obra". Obrigado por ter vindo. “Morrendo estou na vida, em morte vivo; / vejo sem olhos, e sem língua falo; / e juntamente passo glória e pena.”, Camões

arte

João Eduardo Severino

Create Your Badge

a frase

"A vida é muito curta para termos inimigos"
Ayrton Senna

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

favoritos

Quatro anos depois

pessoalmente

arquivos

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

cv

Jornalista com a Carteira Profissional nº 278. Já restam poucos do meu tempo. Como último cargo fui director e proprietário do diário 'Macau Hoje'. Pode ler o meu CV completo na primeira mensagem de Outubro de 2007.

subscrever feeds

tags

todas as tags