Terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013

Pechinchas

 

> Pechinchas na net atraem portugueses.

 

 

tags:
por João Severino às 11:21
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quinta-feira, 8 de Setembro de 2011

boa bloga (77)

 

> Herman José

 

tags:
por João Severino às 01:24
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 28 de Setembro de 2010

VÃO ACABAR OS ANÓNIMOS




 > A administração Obama quer propor, em 2011, uma lei que exige que os operadores de telecomunicações criem as condições necessárias para as autoridades procederem à interceção de comunicações eletrónicas.


EUA preparam lei que facilita a interceção de e-mails e portais sociais

De acordo com o The New York Times, a Casa Branca pretende criar novos mecanismos de interceção de mensagens enviadas por computadores e smartphones, bem como dos dados inseridos em portais sociais ou comunicações de voz sobre IP.
Antecipando-se aos previsíveis protestos, responsáveis do FBI lembram que a nova legislação apenas permite aceder às comunicações eletrónicas de suspeitos, de acordo com o que a lei já estabelece.
A nova lei deverá ser submetida ao Congresso dos EUA, durante 2011.

tags:
por João Severino às 09:45
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sexta-feira, 24 de Setembro de 2010

BLOGGER.COM

> Vocês não imaginam quanto o blogger.com me tem posto doido. Alterou o sistema de publicar as fotografias bem como outros "melhoramentos" que não são mais que uma porcaria dos diabos. Não se consegue publicar nenhuma foto que se pretenda e as alterações foram para pior, com uma treta justificativa de que se pode pré-visualizar. Vou já tentar mudar para o Sapo.
tags:
por João Severino às 19:05
link do post | comentar | ver pauladas (9) | favorito
partilhar
Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010

BRASILNAUTA

> Brasil duplicou o número de internautas em quatro anos.
tags:
por João Severino às 10:05
link do post | comentar | favorito
partilhar
Domingo, 5 de Setembro de 2010

BEEEEM!

> Google vai tentar competir com a Skype nas chamadas telefónicas via Gmail.
tags:
por João Severino às 12:56
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 7 de Julho de 2010

VALHA-NOS ISSO

> A Internet deixa-nos mais inteligentes.
tags:
por João Severino às 09:42
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 21 de Abril de 2010

'DN.pt' é o melhor

> O ' Diário de Notícias' está de parabéns porque o seu site na internet 'DN.pt' doi considerado o melhor. DN.pt ganha prémio de melhor site de informação
tags: ,
por João Severino às 10:34
link do post | comentar | favorito
partilhar
Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009

PROBLEMAS NA REDE

> Temos estado com grandes dificuldades e problemas na ligação ao Firefox ou Safari, facto que nos tem impedido de colocar muitos postais que tínhamos em agenda. É um desespero...
tags:
por João Severino às 11:46
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quinta-feira, 29 de Outubro de 2009

email TEM 40 ANOS

> A primeira mensagem de correio electrónico foi enviada a 29 de Outubro de 1969. O email é já quarentão. Quatro décadas após o envio da primeira mensagem electrónica, o Google Wave , geralmente designado como o email do futuro, é, segundo uma responsável do projecto, "muito mais" do que um sistema de correio electrónico. Vai ser revolucionário.


tags:
por João Severino às 16:32
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 27 de Outubro de 2009

DESPREZO PELO PORTUGAL PÚBLICO ONLINE

> Portugal é o segundo país entre os estados europeus da OCDE mais bem classificado no que diz respeito à sofisticação e ao acesso online a serviços públicos.
Mas poucos os usam...
tags:
por João Severino às 10:45
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Quarta-feira, 26 de Agosto de 2009

'THE PIRATE BAY' SEMPRE ACTIVO

> Poucas horas após os tribunais suecos terem ordenado a retirada da net do famoso site de partilha de ficheiros online ‘The Pirate Bay’, este voltou a estar disponível, jurando resistir a todos os ataques das autoridades.

Por ordem do tribunal de Estocolmo, a empresa sueca que permitia o acesso ‘The Pirate Bay’ à net, a Black Internet, passou a impedir o acesso deste à rede, impossibilitando assim a milhões de internautas a partilha de ficheiros de todo o tipo de dados, grande parte destes de modo ilegal, segundo consideram as autoridades.
Com 25 milhões de utilizadores regulares, ‘The Pirate Bay’ permite a quem o utiliza ter a informação suficiente para passar dados guardados nos computadores de outros utilizadores para o seu. Frequentemente, estas transferências tomam a forma de música, vídeos ou jogos, que passam a poder ser gozados de modo gratuito.
A decisão do tribunal surge depois de no final de Julho os grandes estúdios de Hollywood terem apresentado queixa contra o ‘The Pirate Bay’ junto das autoridades suecas, alegando estar a sofrer grandes prejuízos, uma vez que os seus filmes podiam ser vistos de graça por quem tomasse partido dos serviços disponibilizados pelo site. O site foi considerado como culpado de disponibilizar acesso a conteúdos de modo ilegal, pelo que a Black Internet se arriscava a uma multa no valor de 50 mil euros caso não impedisse o acesso deste à Web.

Resistência e regresso

O ‘The Pirate Bay’ jurou combater por todos os meios possíveis as tentativas das autoridades de impedir a sua actividade, passando a utilizar servidores noutra parte do mundo. Em comunicado, os dirigentes do ‘The Pirate Bay’ dizem ter “confiança total (…) de que nos provaremos, uma vez mais, capazes de defender as nossas Internets, de superar a tempestade da guerra, e de sobreviver à ameaça da tirania, se necessário por anos, se necessário sozinhos”.

"Iremos até ao fim. (...) Lutaremos nas ef-nets e nas darknets (...) defenderemos as nossas Internets, independentemente do custo, lutaremos nas praias, lutaremos na baywords.org, lutaremos no /. e no digg, lutaremos nos tribunais; nunca nos renderemos, e se, o que não acreditamos nem por um momento, as Internets ou uma grande parte destas sejam subjugadas, então o nosso Império de Além-mar, armado e guardado pela Frota dos Anónimos, irá continuar a luta (...)", disse o ‘Pirate Bay'.

Poucas horas após a decisão do tribunal, o site encontrava-se de novo a funcionar em pleno, mostrando na sua página de entrada uma camisola onde se lia a seguinte mensagem de escárnio:

“Eu desperdicei meses e gastei milhões de dólares para encerrar o The Pirate Bay e tudo o que consegui foi esta linda camisola”.

E por debaixo a nota: “Com amor, The Pirate Bay”.

O ataque das autoridades ao ‘The Pirate Bay’ teve também como resultado a formação de um ‘Partido Pirata’ no cenário político sueco, em defesa do direito de partilha livre de conteúdos por toda a Internet. Esta formação política conseguiu eleger um deputado para o Parlamento Europeu.

tags:
por João Severino às 09:05
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 8 de Julho de 2009

ABRAÇO ESPECIAL

> Desejo manifestar a minha gratidão a todos os leitores que verifico estarem a ler o JORNAL DO PAU pela Europa fora, Angola, Moçambique, Tailândia, Macau, Pequim, Tóquio, Perth, Darwin, Sydney e Melbourne-Austrália, Brasil, México e Estados Unidos. Grande abraço especial para vocês.
tags:
por João Severino às 17:37
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar
Quinta-feira, 30 de Abril de 2009

Não deixe que lhe roubem a Internet

VOTAÇAO NO PARLAMENTO EUROPEU NO DIA 5 DE MAIO DE 2009

Não deixe que o Parlamento Europeu lhe feche a internet... não haverá volta atrás!

Aja agora!
O acesso à internet não é condicional

Todos os que têm um site, blog bem como todos aqueles que usam o Google ou o Skype, todos aqueles que gostam de expressar as suas opiniões livremente, investigarem do modo que entendem seja para questões pessoais, profissionais ou académicas, todos os que fazem compras online, fazem amigos online, ouvem música ou vêm videos...

Milhões de europeus dependem da internet quer seja directa ou indirectamente no seu estilo de vida. Tirá-la, limitá-la, restringi-la ou condicioná-la, terá um impacto directo naquilo que fazemos. E se um pequeno negócio depender da internet para sobreviver, torná-la inacessível num período de crise como o que vivemos não pode ser bom.

Pois a internet que conhecemos está em vias de extinção através das novas regras que a União Europeia quer propôr no final de Abril. Segundo estas leis, os provedores de serviço, ou seja as empresas que nos fornecem a internet, PT, Zon, Clix entre muitas outras, vão poder legalmente limitar o número de websites que visitamos, além de nos poderem limitar o uso ou subscrição de quaisquer serviços que queiramos de algum site.

As pessoas passarão a ter uma espécie pacotes de internet parecidos com os da actual televisão. Será publicitada com muitos "novos serviços" mas estes serão exclusivamente controlados pelo fornecedor de internet, e com opções de acesso a sites altamente restringidas.

Isto significa que a internet sera empacotada e a sua capacidade de aceder e colocar conteúdo será severamente restringida. Criará pacotes de acessibilidade na internet, que não se adequam ao uso actual que damos à internet hoje.

A razão é simples...

Hoje a internet permite trocas entre pessoas que não são controladas ou promovidas pelo intermediário (o estado ou uma grande empresa), e esta situação melhora de facto a vida das pessoas mas força as grandes corporações a perderem poder, controle e lucros. E é por isso que estas empresas forçam os políticos "amigos" a agirem perante esta situação.
A desculpa é a pirataria de filmes e música, mas as verdadeiras vítimas seremos todos nós, a democracia e a independência cultural e informativa do cidadão.

Recentemente, vieram com a ideia que a pirataria de vídeos e música promove o terrorismo (http://diario.iol.pt/tecnologia/mapinet-internet-pirataria-terrorismo-crime-tvi24/1058509-4069.html ) para que seja impensável ao cidadão comum não estar de acordo com as novas regras...

Pense no modo como usa a internet! Que significaria caso a sua liberdade de escolha lhe fosse retirada?

Hoje em dia, a internet é sobre a vida e liberdade. É sobre fazer compras online, reservar bilhetes de cinema, férias, aprendermos coisas novas, procurar emprego, acedermos ao nosso banco e fazermos comércio.
Mas é também sobre coisas divertidas como namorar, conversar, convidar amigos, ouvir música, ver humor, ou mesmo ter uma segunda vida.
Ela ajuda-nos a expressarmo-nos, inovarmos, colaborarmos, partilharmos, ajuda-nos a ter novas ideias e a prosperar... tudo sem a ajuda de intermediários.

Mas com estas novas regras, os fornecedores de internet escolherão onde faremos tudo isso, se é que nos deixarão fazer.

Caso os sites que visitamos, ou que nós criámos não estejam incluídos nesses pacotes oferecidos por estas empresas, ninguém os poderá encontrar.

Se somos donos de um site ou de um blog e não formos ricos ou tivermos amigos poderosos, teremos de fechar.

Só os grandes prevalecerão, com a desculpa de que os pequenos não geram tráfego suficiente para justificar serem incluídos no pacote.

Continuaremos a ter a Amazon, a Fnac ou o site das finanças, mas poucos mais.

Os telefonemas gratuitos pela internet decerto que acabarão ( como já se passa nalguns países da Europa) e os pequenos negócios e grupos de discussão desaparecerão, sobretudo aqueles que mais interessam, os que podem e querem partilhar a sua sabedoria gratuitamente com o mundo.

Se nada fizermos perderemos quase de certeza a nossa liberdade e uso livre da internet.

A proposta no Parlamento Europeu arrisca o nosso futuro porque está prestes a tornar-se lei, uma lei quase impossível de reverter.

Muitas pessoas, incluíndo deputados do Parlamento Europeu que a vão votar positivamente, não fazem a menor ideia do que isto pode querer dizer, nem se apercebem das implicações brutais que estas regras terão na economia, sociedade e liberdade. Estas medidas vêm embrulhadas numa coisa chamada "Pacote das Telecom´s" disfarçando estas leis de algo que apenas é relativo à indústria das telecomunicações.

Mas na verdade, tudo não passa de regras sobre o uso futuro da internet. A liberdade está a ser riscada do mapa.

Nestas leis propostas, estão incluídas regras que obrigam as Telecoms a informaram os cidadãos das condições em que o acesso à internet é fornecido. Parece ser uma coisa boa, em nome da transparência, mas não passa de uma diversão para poderem afirmar que podem limitar o nosso acesso à liberdade na internet, apenas terão é que informar-nos disso.

O futuro da internet está em jogo e precisamos de agir já para o salvar.
Diga ao Parlamento Europeu que não quer que estas alterações sejam votadas.
Lembre-os que as eleições europeias são em Junho e que a internet ainda nos dá alguma liberdade para que possamos observar e julgar os seus actos no Parlamento.
Saiba que não está sozinho(a) nesta luta... Enquanto lê isto, centenas e centenas de outras organizações estão a trabalhar para que esta mensagem chegue a quem de direito. Milhares de pessoas estão também a contactar os seus deputados neste sentido. Ajude-se a si mesmo, colabore e faça o que pode por esta causa...

A internet é tão sua como deles...

Divulgue esta mensagem o mais que possa...

Faça Copy/Paste do texto em baixo e envie aos Deputados do Parlamento Europeu!

Aqui vão alguns endereços:

carlos.coelho@europarl.europa.eu

vasco.gracamoura@europarl.europa.eu

joao.pinheiro@europarl.europa.eu

jose.ribeiroecastro@europarl.europa.eu

francisco.assis@europarl.europa.eu

luismanuel.capoulassantos@europarl.europa.eu

edite.estrela@europarl.europa.eu

elisa.ferreira@europarl.europa.eu

anamaria.gomes@europarl.europa.eu

ilda.figueiredo@europarl.europa.eu

miguel.portas@europarl.europa.eu

Texto:

Dear Deputy

I’d like to draw your attention to the Telecoms Package which I believe will be voted on by the European Parliament committees at the end of March and again on 21 April by all MEPs.

I have serious concerns that the changes that the European Parliament is proposing will adversely affect business in the European Union.
I understand that the European Parliament is proposing to include changes to the law which will affect my access to the Internet, and which may limit, restrict or place conditions on my ability to access websites and services.

I use the Internet every day to work, shop, socialise, bank, research, listen to music, enjoy cultural activities, talk to friends and family, order tickets, choose my holidays, pursue my interests and hobbies...and much more.

The changes in the law that the European Parliament is proposing will permit my broadband provider to offer me a limited, restricted or conditional service. My concern is that such changes will kill the life of the Internet as we know it, and could have serious, detrimental economic impact on Europe’s economy.

I am writing to ask you, as my representative in the European Parliament, to vote to protect our right to trade and do business using the Internet.

As we live in a democratic society, we need to openly debate these issues and establish the principles for the Internet as society.

Please support amendments which safeguard my rights to access and distribute content, services and applications and reject any text which talks about ‘lawful content’ or about placing limitations, restrictions or conditions on my Internet access. In particular, I would like you to guarantee my rights to freely use the Internet, and ensure that all websites and services are accessible to all users.

Yours sincerely ,


Para mais informações sobre a lei:

http://www.laquadrature.net/en/telecoms-package-towards-a-bad-compromise-on-net-discrimination

http://www.laquadrature.net/wiki/Telecoms_Package

http://en.wikipedia.org/wiki/Telecoms_Package

http://www.blackouteurope.eu/
tags:
por João Severino às 14:13
link do post | comentar | ver pauladas (2) | favorito
partilhar
Segunda-feira, 13 de Abril de 2009

Facebook prejudica estudantes

Um estudo do Departamento de Educação da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, revela que os alunos universitários utilizadores do Facebook têm piores resultados nos exames.

Há bens que vêm por mal...
tags:
por João Severino às 14:07
link do post | comentar | favorito
partilhar
Segunda-feira, 6 de Abril de 2009

Toma lá click (65)

Chez 0.3
tags:
por João Severino às 00:29
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quinta-feira, 12 de Março de 2009

Transacções de milhões

O site de Mário Machado (Forum Nacional) publica uma notícia - que já foi lida por mais de nove mil pessoas - com documentos comprovativos, e como diz o autor, que envolve a família do primeiro-ministro, contas offshore, carros de luxo, transacções que chegam aos 163 milhões de euros, curiosamente nos mesmos anos em que José Sócrates estava com o Freeport nas mãos, entre outros.
tags:
por João Severino às 15:11
link do post | comentar | ver pauladas (6) | favorito
partilhar
Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2009

Loucura no Facebook

Milhares de pessoas encheram uma das principais estações de comboio de Londres numa flashmob organizada através do Facebook e que foi inspirada num anúncio de telefones. O organizador, 22 anos, ficou parvo.
tags:
por João Severino às 11:45
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quinta-feira, 5 de Fevereiro de 2009

Vá a Marte

Atenção ao novo Google Earth 5.0, apresentado na passada 2ª feira na Academia das Ciências da Califórnia, em São Francisco, com a presença de Al Gore, e disponível grátis aqui. Agora já poderá visitar Marte.
tags:
por João Severino às 10:48
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 6 de Janeiro de 2009

Humor na Net




João Moreira de Sá é um dos melhores humoristas portugueses. E não anda por aí a gritar que é bom ou na televisão armado em engraçado sem ter graça nenhuma, à semelhança de uns palhacitos com a mania que são humoristas. Produzir humor é um trabalho muito sério. E eu que o diga, que vivi uma vida com um pai, que foi considerado um dos melhores humoristas portugueses, o Ruy Andrade dos 'Parodiantes de Lisboa' e autor de 70% dos textos gravados pelos Parodiantes ao longo de 50 anos na rádio em português.
Quem não leu o humor fino, simples, incisivo e estonteante de João Moreira de Sá no blogue Atlântico, onde assinava como Arcebispo de Cantuária? Era delicioso. Infelizmente, o blogue Atlântico fechou as portas devido à transferência do excelente blogger Paulo Pinto Mascarenhas para outros voos profissionais muito motivadores. E assim, temos o João Moreira de Sá como coordenador de um novo site da rede PNET. Parabéns ao João e votos de longa vida ao 'Pnet Humor'.

Visite em: http://www.PNEThumor.pt
tags:
por João Severino às 14:43
link do post | comentar | ver pauladas (1) | favorito
partilhar

pptao

Um blogue onde deixarei simples observações sobre o que vai acontecendo à nossa volta neste mundo global. Também serve de contacto com imensas pessoas que gostaram de mim. O título do blogue? Porque sempre fui "pau para toda a obra". Obrigado por ter vindo. “Morrendo estou na vida, em morte vivo; / vejo sem olhos, e sem língua falo; / e juntamente passo glória e pena.”, Camões

arte

João Eduardo Severino

Create Your Badge

a frase

"A vida é muito curta para termos inimigos"
Ayrton Senna

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

favoritos

Quatro anos depois

pessoalmente

arquivos

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

cv

Jornalista com a Carteira Profissional nº 278. Já restam poucos do meu tempo. Como último cargo fui director e proprietário do diário 'Macau Hoje'. Pode ler o meu CV completo na primeira mensagem de Outubro de 2007.

subscrever feeds

tags

todas as tags